inspirações e aspirações

Relento da alma

Eu estava deitada quando algo caiu do meu rosto, o que me fez pensar que era algo muito pesado que vinha de dentro de mim, mais foi um simples pingo, que fez um barulho opaco ao bater no travesseiro, e depois… depois tudo pareceu calmo denovo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s